Faixa atual

Título

Artista


Escola Estadual Dr. Adiron Gonçalves Boaventura de Rio Paranaíba divulga comunicado sobre retorno às aulas

Escrito porem 16 de maio de 2020

O Governo de Minas Gerais anunciou na última semana o retorno às aulas em toda rede estadual de forma remota, ou seja, através de canais criados para que as aulas sejam ministradas. Profissionais da Educação do Estado preparam um material para especial para que os estudantes possam acompanhar as aulas pela REDE MINAS, aplicativo ou por um hotsite criado para este fim.

Na manhã deste sábado, dia 16, a Escola Estadual Dr. Adiron Gonçalves Boaventura em Rio Paranaíba divulgou um comunicado sobre o retorno das aulas. A diretora ressalta num primeiro momento que os educadores estão se adaptando à nova realidade, mas que irão trabalhar com conjunto para facilitar o aprendizado.

Também foi apresentado os canais onde os estudantes poderão baixar o material para estudo e tirar suas dúvidas com os professores em seus respectivos horários. O primeiro, claro, é o hotsite “Estude em Casa”: estudeemcasa.educacao.mg.gov.br. Neste site o estudante e professor encontra todos os planos de ensino tutorados, que são apostilas mensais com conteúdo curriculares que serão trabalhados durante o período de isolamento social.

A REDE MINAS também passará a exigir a partir de segunda-feira (18), o programa “Se liga na educação” de segunda à sexta-feira de 07h às 12h30, com apresentação das teleaulas. Por fim, o Governo do Estado lançará o aplicativo “Conexão Escola”, onde os estudantes poderão ter acesso aos slides apresentados nas teleaulas da REDE MINAS e aos PETs (Planos de Ensino Tutorados).

O aplicativo ao longo do tempo também disponibilizará para os estudantes um canal para entrarem em contato direto com os professores para sanarem dúvidas ao longo das aulas. Para aquelas pessoas que ainda não tem acesso à internet, o aplicativo funcionará sem precisar de conexão de dados e, dessa forma, o estudante ou professor poderá baixar os conteúdos de forma gratuita.

Os alunos que não possuem acesso à internet receberão o material para estudo impresso. Para isso, a própria escola entrará em contato com cada estudante para saber a situação de cada um afim de garantir o recebimento do material.

Texto: Gilberto Martins