Laboratório de genética clínica do campus da UFV em Rio Paranaíba está apto para realizar teste do coronavírus

Escrito porem 2 de abril de 2020

Foto: UFV/Divulgação

O Laboratório de Genética Clínica do Campus da UFV em Rio Paranaíba está apto para começar a realizar os testes de coronavírus. A informação foi divulgada pela própria Fundação Ezequiel Dias e a notícia está sendo muito comemorada tanto pela direção do campus da UFV, quanto por toda sociedade rio paranaibana.

De acordo com a Funded, ao todo são 19 laboratórios que aptos a realizarem o diagnóstico para identificação da Covid-19. Com essa aplicação da rede, a Fundação Ezequiel Dias prevê que serão processadas, por dia, 1800 amostras, o que irá subsidiar a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais a tomada de decisões e monitoramento efetivo da circulação do vírus.

Segundo o diretor do campus em Rio Paranaíba, Renato Ruas, ainda não há uma data específica para que o campus comece a realizar os testes, uma vez que a FUNED vai enviar o termo de compromisso e mais detalhes sobre a rotina de procedimentos de amostras até próxima terça-feira, 07 de abril.

Ouça a fala do diretor da campus, Renato Ruas no boletim informativo da Rádio Paranaíba FM.

Para o vice-presidente da Funed, Rodrigo Leite, a ampliação da rede de laboratórios é um ganho não somente para o governo como para toda a sociedade. “Com uma maior celeridade no diagnóstico dos exames, é possível, por exemplo, tomar decisões em tempo oportuno, que venham contribuir para mitigar os efeitos da pandemia em nosso estado”, reforçou.

A partir desta quinta-feira (02), os exames também serão realizados além de Rio Paranaíba, nas seguintes cidades: Viçosa, pela Universidade Federal de Viçosa (UFV); em Diamantina, pela Universidade Federal do Vale do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM); em Montes Claros, pela Unimontes; em Ipatinga, pelo Hospital Márcio Cunha, da Fundação São Francisco Xavier; em Sete Lagoas, pelo Laboratório Santa Lúcia; em Lagoa Santa, pelo Loci Genética Laboratorial e em Pedro Leopoldo, pelo Ministério da Agricultura, Abastecimento e Pecuária (Mapa).

Texto: Gilberto Martins – Com informações da Fundação Ezequiel Dias


Faixa atual

Título

Artista