• Sem categoria

Agência do Banco do Brasil começa a ser reformado após seis meses

Escrito porem 27 de setembro de 2016

A crise bancária em Rio Paranaíba parece estar finalmente chegando ao fim. Após ações de criminosos entre novembro do ano passado e fevereiro deste ano, a cidade virou um verdadeiro caos sem atendimento bancário e diversos clientes tiveram que se deslocar para outras cidades da região para fazerem serviços simples.

Os trabalhos de reforma na agência da Caixa Econômica Federal, que foi alvo de criminosos na mesma madrugada do dia primeiro de fevereiro, passou por reforma e já voltou com o atendimento normal cerca de 40 dias após o crime. O Bradesco, último a ser alvo da facção criminosa, também foi todo reformado e cerca de 30 dias após a ação delituosa voltou a atender normalmente.

Durante o período da reforma da agência da Caixa Econômica Federal na cidade, uma agência móvel chegou a vir para Rio Paranaíba, porém, não chegou a funcionar e deixou muita gente revoltada. Com a volta dos trabalhos na agência da Caixa Econômica Federal, a crise bancária ainda não estava totalmente sanada e ainda estava faltando a agência do Banco do Brasil que foi arrombada e teve os cofres explodidos no fim do mês de novembro por criminosos fortemente armados.

Logo em seguida a ação dos criminosos, os trabalhos como saques e depósitos de dinheiro em espécie passaram a ser realizados na agência dos Correios da cidade, que também passa por um momento de crise com falta de funcionários. Na agência do Banco do Brasil, os serviços prestados à sociedade foram reduzidos para trabalhos internos, sem a movimentação de dinheiro em espécie.

Diante de tudo isso, a população pergunta todos os dias quando que a agência voltará a funcionar normalmente na cidade, pois todas as outras agências que foram alvo dos criminosos já retornaram aos trabalhos e somente o Banco do Brasil ficou paralisado. Nós fomos atrás e obtivemos resposta satisfatórias.

O Banco do Brasil, por ser uma instituição pública, possui uma série de protocolos a ser seguidos até ser autorizado o início das obras de reforma na agência. Na semana passada, os operários da construtora que ganhou o processo licitatório já começaram a trabalhar na reforma da agência.

De acordo com informações, obtidas pela nossa reportagem, a previsão é de que as obras ficarão prontas em até 60 dias. Porém, segunda a gerência, a expectativa é de que esse prazo seja reduzido. Ainda segundo a gerência, as obras não irão prejudicar os trabalhos que já vem sendo realizado pelos funcionários da agência, pois não há necessidade de paralisação dos serviços prestados à sociedade.

Dessa forma, os clientes dos bancos não precisarão se deslocar até cidades da região ou enfrentar horas de filas na agência dos Correios para depósitos, saques, transferências e outros serviços que são prestados pela estatal.

Uma alternativa para os clientes de todos os bancos é o uso dos aplicativos para smartphones, tablets e computadores onde pode-se conferir saldo, extrato, fazer transferências, pagar contas, recargas de telefone e vários outros serviços. Os aplicativos dos bancos estão disponíveis em todas as plataformas digitais.

Texto: Gilberto Martins


Opiniões dos leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.



Faixa atual

Título

Artista